3º ano – Educação Física – Outubro

3º ano

UNIDADE TEMÁTICA: GINÁSTICA – DANÇAS

HABILIDADE 01: (EF03EF07A) Experimentar, fruir e criar combinações de diferentes elementos da ginástica e da ginástica geral (equilíbrios, saltos, giros, rotações, com e sem materiais), valorizando o trabalho coletivo.

HABILIDADE 02: Identificar os elementos constitutivos comuns e diferentes (ritmo, espaço, gestos) em danças do Brasil, incluindo as de matrizes indígenas e africanas.

SUGESTÃO DE TEXTO PARA ATIVIDADES TEÓRICAS, RODA DE CONVERSA e outros 

(o texto pode ser utilizado em partes ou diferentes formas durante todo o mês)

DANÇAS BRASILEIRAS
Expressões artísticas que contribuem para a cultura do país

As danças brasileiras surgiram da fusão da cultura europeia, africana e árabe aliada às manifestações oriundas do próprio país. A dança é uma expressão artística considerada um elemento fundamental para a cultura local e, sobretudo, mundial. No Brasil, muitas tiveram grande destaque e se tornaram atrações populares, como as danças folclóricas, por exemplo. As danças brasileiras são datadas em diferentes períodos e estão difundidas em cada região do país. As mais conhecidas nacional e internacionalmente são o Samba e o Frevo.

Maracatu

Estima-se que o Maracatu teve início no Brasil por volta de 1700 e quem o trouxe foram os portugueses. De origem afro-brasileira, essa expressão artística é uma das danças folclóricas mais conhecidas do país. O forte som dos seus grandes tambores, chamados de alfaias, além da zabumba e das ganzás, marcam o Maracatu. Muito presente na cultura pernambucana, especialmente nas cidades de Recife, Olinda e Nazaré da Mata, a dança mistura coreografias e teatro, acompanhada por músicos e dançarinos. O Maracatu tem um forte apelo religioso, mas com o passar do tempo as irmandades foram perdendo força e a manifestação passou a acontecer durante o Carnaval, principalmente em Recife.

Bumba Meu Boi

O Bumba Meu Boi é uma das danças brasileiras folclóricas mais famosas que mistura dança, música e teatro. Segundo alguns autores, a manifestação artística teve origem na cultura europeia, já outros consideram que a dança sofreu influências africana e indígena. No Brasil, é tradição da região norte e região nordeste. É muito comum fantasias bem coloridas, como a figura do boi, por exemplo, feita de madeira, revestida por tecidos bordados, na forma de um touro. O homem que veste a fantasia do Bumba Meu Boi é chamado de “miolo do boi”.

Frevo

O frevo é uma das danças brasileiras advindas do estado de Pernambuco. Seu início ocorreu por volta de 1910 e veio a se tornar hoje uma das grandes atrações do carnaval brasileiro, sobretudo em Olinda, onde é considerado o carnaval mais popular do país. O ritmo do frevo é agitado e sua música, executada por bandas militares e charangas, fundamenta-se na união de gêneros como o tango brasileiro, a marcha, a contradança, a polca e a música clássica. Apesar de não possuir letra, a manifestação é conduzida por uma banda que toca para divertir os foliões. 

Carimbó

Uma das danças brasileiras que nasceu em Belém foi o Carimbó, nas regiões de Salgado, composta por Marapanim, Curuçá e Algodoal. No início, as músicas do carimbó eram tocadas em tambores, além do reco-reco, viola, ganzá, banjo, maracás e flauta. Já nas décadas de 60 e 70 as guitarras elétricas foram incluídas nesse ritmo ganhando grande inspiração de outros ritmos como o merengue e a cúmbia. Com a expansão pelo Nordeste, ele entusiasmou o nascimento da lambada que logo depois se difundiu por todo país. Durante as apresentações, os homens usam camisas e calças lisas, e as mulheres blusas que mostram os ombros além das saias rodadas. Na coreografia, os casais ficam em filas à medida que o homem se aproxima da mulher batendo palmas. Ao realizar passos de
volteio, as mulheres jogam um lenço no chão para que seu par possa pegar como forma de respeito.

Samba

O samba é uma das danças brasileiras de grande reconhecimento para a cultura do país. Seu início no Brasil se deu com a chegada dos negros. Intitulado como uma dança afro-baiana, o samba começou no país na região da Bahia, dançado pelos escravos nas senzalas. Essa manifestação artística estava associada a elementos religiosos que funcionavam como uma forma de comunicação ritual por meio da dança e da música. Outro estado brasileiro que iniciou a difusão desse ritmo foi o Rio de Janeiro. A dança era marcada pelo potente som da percussão, além das batidas com os pés. Com o tempo o samba foi crescendo e ganhando novos formatos a exemplos do samba-canção, samba de breque, samba-enredo, além de tantas outras derivações.

Danças Folclóricas

As danças folclóricas são fortes elementos artísticos que contribuem para o acervo cultural do país. Elas são baseadas, principalmente, em tradições e costumes próprios das regiões. Realizada de diferentes maneiras de acordo com o estado, ela pode ser feita em pares ou em grupos e a forma original de dançar e cantar permanece praticamente a mesma.
No país, as danças brasileiras de caráter folclórico receberam influências dos povos africanos, árabes, indígenas e europeus. As religiões, sobretudo a Igreja Católica, teve forte influência no surgimento de personagens e contos da história brasileira. Uma das características marcantes das danças brasileiras folclóricas são as músicas simples e os personagens chamativos.

SUGESTÃO: Anotar para seu professor as danças do Brasil que aparecem no texto e escolhendo uma que você mais gostou ou despertou suas curiosidades.

PRIMEIRA SEMANA

AQUECIMENTO

Fazer o aquecimento descrito abaixo. Deixar a criança fazer apenas uma vez.

GINÁSTICA: 

ATIVIDADE PRINCIPAL

Nesta atividade, deixar a criança repetir QUANTAS VEZES QUISER.

RODA AFRICANA:  

Em roda realizar movimentos circulares ao comando da música, do seu professor ou quem estiver na sua casa acompanhando você realizar:

3 vezes abre fecha as mãos (quando fechar bater palmas)
3 vezes batendo na sua coxa (quando bater na coxa na volta bater palmas também.
Realizar os movimentos por 2 vezes a sequência acima.

Agora vamos realizar o movimento do coxa palma…
Coxa palma
Coxa palma
Coxa coxa
Palma
Realizar a sequência acima 3 vezes

SUGESTÃO: Anotar para seu professor ou em roda de conversa expressar sua opinião sobre aprender as danças africanas e indígenas, qual a importância de ter contato com essas danças e essas culturas.

VOLTA À CALMA

Realizar apenas uma vez para a criança descansar.

TÉCNICAS DE ALONGAMENTOS: 

SEGUNDA SEMANA

AQUECIMENTO

Fazer o aquecimento descrito abaixo. Deixar a criança fazer apenas uma vez.

DESAFIO DE A À Z – GINÁSTICA ARTÍSTICA: 

ATIVIDADE PRINCIPAL

Nesta atividade, deixe a criança repetir QUANTAS VEZES QUISER.

PIPOCAS DANÇANTES: 

Brincadeira dividida em 2 partes
Primeira parte
Bate palma e bate com a mão direita do colega
Bate palma e bate com a mão esquerda do colega
Bate palma e anda 3 vezes no mesmo lugar.
Segunda parte
Bater pé direito com o pé direito do colega
Bater pé esquerdo com o pé esquerdo do colega e anda 3 vezes no mesmo lugar

SUGESTÃO: você conhece o que são adoletas? Brincadeiras que fazemos com as mãos e um ritmo. Pergunte para seus pais ou avós quais adoletas eles conhecem e anote uma, para mostrar para seu Professor.

VOLTA À CALMA

Realizar apenas uma vez para a criança descansar.

ALONGAMENTO EM PÉ PARA O CORPO TODO:

TERCEIRA SEMANA

AQUECIMENTO

Fazer o aquecimento descrito abaixo. Deixar a criança fazer apenas uma vez.

GINÁSTICA: 

ATIVIDADE PRINCIPAL

Nesta atividade, deixar a criança repetir QUANTAS VEZES QUISER.

TUM PÁ PERCUSSIVO: 

Pé no chão

Mão no coração

Bate palma estala o dedo

Brinca o jogo da canção

Mão na perna

Um pé de cada lado

Bate palma estala o dedo

Tudo ao mesmo tempo

Agora corre pro refrão:

Tum Pá Tum Pá Tum Pá

Tum Pá Tum Pá Tum Pá

Tum Pá Tum Pá Tum Pá

Tum Pá Realizar os movimentos conforme a música.

SUGESTÃO: Desenhe um coração bem bonito e escreva uma mensagem positiva para seu ou sua colega de turma para animar ainda mais o dia dela ou dele.

 

VOLTA À CALMA

Realizar apenas uma vez para a criança descansar.

TÉCNICAS DE ALONGAMENTOS: 

QUARTA SEMANA

AQUECIMENTO

Fazer o aquecimento descrito abaixo. Deixar a criança fazer apenas uma vez.

DESAFIO DE A À Z – GINÁSTICA ARTÍSTICA: 

ATIVIDADE PRINCIPAL

Realizar apenas uma vez para a criança descansar.

YAPO

Realizar a atividade um ao lado do outro e seguir a coreografia conforme a música.
Movimentos a realizar:
Yapo bater na coxa
Ia ia bater no peito
Tuque tuque bater na cabeça.

Música do YAPO

Yapo, ia ia, e e e o 

Yapo, ia, ia, e e e 

Yapo, ia, ia e e

Yapo e tuque, tuque 

Yapo e tuque, tuque, e e e

SUGESTÃO: Desenhe um índio ou uma tribo indígena para representar a atividade que acabamos de realizar.

VOLTA À CALMA

Realizar apenas uma vez para a criança descansar.

ALONGAMENTO EM PÉ PARA O CORPO TODO: 

QUINTA SEMANA

 AQUECIMENTO

Fazer o aquecimento descrito abaixo. Deixar a criança fazer apenas uma vez.

GINÁSTICA: 

ATIVIDADE PRINCIPAL

Nesta atividade, deixar a criança repetir QUANTAS VEZES QUISER.

RODA AFRICANAS: 

Em roda realizar movimentos circulares ao comando da música, do seu professor ou quem estiver na sua casa acompanhando você realizar:

3 vezes abre fecha as mãos (quando fechar bater palmas)

3 vezes batendo na sua coxa (quando bater na coxa na volta bater palmas também.

Realizar os movimentos acima 2 vezes a sequência acima.

Agora vamos realizar o movimento do coxa palma…

Coxa palma

Coxa palma

Coxa coxa

Palma

Realizar a sequência acima 3 vezes

SUGESTÃO: Anotar para seu professor ou em roda de conversa expressar sua opinião sobre aprender as danças africanas e indígenas, qual a importância de ter contato com essas danças e essas culturas.

VOLTA À CALMA

Realizar apenas uma vez para a criança descansar.

TÉCNICAS DE ALONGAMENTOS: